Rodrigo Maia confirma que vai acelerar tramitação de projeto que congela salários

Nesta segunda-feira, 4, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ) afirmou estar de acordo com a proposta aprovada no Senado para socorro a estados e municípios às custas dos direitos dos servidores públicos.

Segundo o deputado, as divergências deverão ser deixadas de fora para que o PLP 39 seja logo votado e encaminhado à sanção.

Com isso, é urgente que os servidores apontem formas efetivas de socorro que não demandem sacrifício de trabalhadores em uma hora dessas.

Para tanto, segue a campanha de envio de e-mails e mensagens aos parlamentares cobrando voto contrário ao PLP 39.

Confira AQUI modelo de carta e endereços dos deputados.