A luta unificou! Assembleia Geral Unificada nesta terça-feira, 28, no IFMA Monte Castelo

Estudante junto com trabalhador: Assembleia Geral Unificada no Campus Monte Castelo/IFMA.

Acontecerá na TERÇA-FEIRA dia 28 as 15h na área de vivência do IFMA Campus Monte Castelo, a Assembleia Geral Unificada.

Em pauta, a adesão ao Dia Nacional de Paralisação da Educação (30 de maio) e à Greve Geral dos Trabalhadores (14 de junho), além da construção de estratégias para a luta contra os cortes orçamentários nos Institutos Federais.

O 30M terá como mote “Construindo a Greve Geral, contra a Reforma da Previdência e o corte de 30% na Educação”, acordado entre Andes-SN, Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE), União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), UNE, Associação Nacional de Pós-Graduandos, Fasubra, Sinasefe, Fenet e Contee.

Dessa forma, logo pela manhã do dia 30 pesquisadores – estudantes, docentes e técnicos – estarão com seu material na Praça Deodoro, Centro de São Luís, a partir das 9h, para a jornada Ciência na Praça.

Para participar da mostra expondo o trabalho científico, deve-se preenche o formulário no link a seguir, que funciona como uma espécie de inscrição na Jornada:

CIÊNCIA NA RUA: Clique AQUI para formulário de inscrição de trabalhos! O formulário é uma elaboração da Comissão “Ciência na Rua” para organização da exposição dos projetos e programas de universidades, institutos e escolas no dia 30 de maio na Praça Deodoro em São Luís – MA, a partir das 9h. A organização garantirá as tendas, água e lanche para os/as expositores/as; as demais necessidades estruturais ficará sob responsabilidade de cada grupo. Participe!

 

Ato pela Educação

À tarde, a partir das 15h, todos e todas se concentrarão na Praça Deodoro para mais um Grande Ato em defesa da Educação Pública, Gratuita, Laica e de Qualidade, contra os cortes que podem fechar universidades e institutos e precarizar ainda mais escolas estaduais e municipais, também atingidas pelos cortes. O ato também cerra fileiras contra a reforma da Previdência, que prejudica trabalhadores da ativa e aposentados e vem cuja aprovação vem sendo utilizada como chantagem contra a Educação pública, com os ministros da Economia e da Educação condicionando reposição do orçamento à aprovação desse ataque.

Além de São Luís, outras cidades também estão em preparação, para fazer desse um grande dia de mobilização, tal como o último dia 15 quando dezenas de cidades no Maranhão se integraram à grande greve nacional da Educação. Tal como aquela data, esta também será mais um marco preparatório rumo à greve geral de 14 de junho.

Como de praxe, o Sinasefe Monte Castelo orienta aos demais campi que realizem sua Assembleias e comuniquem o resultado em caso de adesão à sua diretoria geral local, e construam, juntamente com os demais setores (estudantes, sindicatos e movimentos, atividades de mobilização do 30M.