Sinasefe Monte Castelo: MOÇÃO DE REPÚDIO À TENTATIVA DE CENSURA NAS ESCOLAS E ORIENTAÇÕES AOS DOCENTES E TÉCNICOS EM CASOS DE ATAQUES, PERSEGUIÇÕES E ASSÉDIO

O Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica – Seção Monte Castelo, vem a público repudiar a escalada da violência contra os trabalhadores da Educação e a retomada veloz de projetos que tentam impor mordaça nas escolas, com censura e punição a docentes e demais trabalhadores do setor.

Na última terça-feira, 30 de outubro, em São Luís, boa parte da Câmara Municipal tentou aprovar na surdina um projeto denominado “Escola sem Pornografia”, nome grotesco que tem o objetivo de confundir a população e angaria apoio à perseguição a docentes, haja vista que nenhum trabalhador da área pretende “ensinar” pornografia em ambiente laboral ou fora dele. Na verdade o que se pretende com o projeto, derivado do assim denominado “escola sem partido”, é na verdade é o amordaçar de professores, com punição para a atividade educacional que estimule o pensamento crítico, uma das razões de ser da Educação. Ficaremos de olho nestas inciativas, e conclamamos nossa base para a mais ampla unidade com os setores que lutam contra esse ataque.

No âmbito federal, a Comissão Especial da Câmara que avalia o PL da Escola Sem Partido reuniu-se nesta quarta-feira, para tentar aprovar a proposta e enviá-la para a Câmara. O Sinasefe Nacional, junto com outras entidades da Educação Pública, participou da resistência a essa ameaça, que não logrou êxito nesta data em razão de nossa luta conjunta, mas segue – e fortalecida por esta conjuntura marcada por retrocessos.

ATAQUES

Não bastassem tais propostas, temos tido que conviver diariamente com o ataque de setores conservadores, que se infiltram em nossos ambientes de trabalho e em nossos fóruns para perseguir trabalhadores e promover o terror em forma de ameaças e intimidações.

Não aceitaremos esse tipo de situação, que é inclusive proibida por lei, e orientamos docentes e técnicos a redobrarem as cautelas, cientes de que seu Sindicato está ao seu lado, e quaisquer atitudes nesse nível podem ser denunciadas ao Sinasefe para que tomemos as medidas cabíveis.

RESISTIREMOS!

São Luís, 31 de outubro de 2018

A Diretoria do SINASEFE SEÇÃO MONTE CASTELO