Educação Pública em luta nesta quarta-feira, 30 de maio: participe!

Setores da Educação Pública das redes federal, estadual e municipal realizam ato conjunto nesta quarta-feira, com concentração a partir das 15h, na Praça João Lisboa.

A manifestação é em apoio às lutas que vêm sendo travadas no país contra a alta dos combustíveis, contra a política de preços da Petrobras e pela queda do presidente da Companhia, Pedro Parente, que não a vê como empresa pública mas que deve servir apenas ao mercado, pelo “Fora Temer” e contra as reformas dele e do atual Congresso (reforma trabalhista, terceirização, PEC do congelamento do investimento público).

O ato também é uma demonstração de apoio à greve dos petroleiros, que deve ser iniciada nessa data, cuja pauta é a mesma da dos docentes.

Plenária Sindical e Popular

Na última segunda-feira, 28, a CSP Conlutas realizou Plenária Sindical e Popular, na qual reafirmou apoio às lutas e posição contrária à tentativa de capitalização dos movimentos, como a greve dos caminhoneiros, por partidários de golpes militares.

A indicação é a de participação nas lutas, buscando unidade para construção de uma grande greve geral no país que revogue as medidas aprovadas por Michel Temer.

O ato desta quarta-feira deve reunir professores e professoras das redes estadual, municipal e federal em apoio às greves, e em defesa dos direitos sociais e da democracia.

A Atividade é chamada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE), que deve realizar ações similares pelo país, e conta com a participação, além da CSP-Conlutas, aprovada durante a Plenária na segunda-feira, de entidades docentes das redes estadual e municipal (Aspema e MRP), além da própria CSP Conlutas e demais movimentos e sindicatos. O Sinasefe convoca sua base a participar desta mobilização:

Todos à concentração na Praça João Lisboa nesta quarta-feira às 15h!